Não é necessário. A liquidação dos investimentos deverá respeitar a regra de cada ativo, e compete exclusivamente a sua decisão como cliente.

Encontrou sua resposta?